Times Square: saiba mais sobre a polêmica área de restrição

zona de restrição

A Times Square é o pedaço de terra mais capitalista do mundo. Seja pelos anunciantes que pagam milhões para terem sua marca exposta nos painéis luminosos ou pelo sonho de todo turista de tirar uma foto e consumir nas suas diversas lojas.

Até aí tudo bem, qualquer lugar turístico do mundo é a mesma coisa, só que na Times Square tem um agravante, a super lotação.

Na alta temporada, o local fica extremamente lotado de vendedores de atrações, shows com performances de artistas de rua e os famosos personagens toscos de desenhos animados que trocam fotos por gorjetas.

E eles são os mais chatos. Vestidos precariamente, eles ficam desesperados atrás de gorjetas, com abordagem aos turistas e se aproveitando dos mais desavisados, que acabam tiram fotos e esquecem de remunerá-los ou doam menos do que eles querem, causando brigas e confusões.

São diversos relatos de encrencas. Eu mesmo já vi a Minnie discutindo com um casal de turistas que tirou uma foto e não a compensou tip (gorjeta) que ela achou “justa”.

O bate boca causou um tumulto tão grande, que apareceu o Homem de Ferro e Homem Aranha para ajudar sua amiga Minnie e a briga só terminou com a chegada da polícia, que é muito atuante e tem uma base na Times Square.

Uma cena cômica para quem estava vendo de fora e muito constrangedora para o casal de turistas desavisados.

times square restricao

Os personagens que estão fora do espaço delimitado,estão fora da lei e não podem abordar

 

Já contratou o seu Seguro Viagem?

Cotação em mais de 10 seguradoras, com garantia de melhor preço e em até 12 vezes sem juros.

 


O QUE É A ZONA DE RESTRIÇÃO?


Por causa desses imprevistos, a prefeitura de Nova York criou uma zona de restrição para todas as pessoas que utilizam a Times Square para quaisquer fins comerciais. E agora é lei!

Todos esses “profissionais” são obrigados a ficarem dentro de um espaço delimitado por uma cor verde e quem sair desse local está sujeito a multa de US$ 500 dólares e até prisão.

Para alertar os turistas, foram espalhadas diversas placas com avisos sobre os espaços de zona de restrição exclusiva para os artistas de rua, e também placas com informação sobre as zonas livres para pedestres.

times square restricao

Essa “zona de restrição” tinha acabado de ser pintada no chão com a placa de aviso

 

Confesso que quando vi essa restrição, do dia para a noite, fiquei assustado pela falta de liberdade imposta, porque dá a sensação de prisão para esses “artistas” que ficaram “limitados” em um espaço minúsculo, disputando as pessoas que passam ao lado, agora sem dar muita atenção.

Por isso, no primeiro momento, achei a lei um pouco severa com os trabalhadores que fazem do espaço seu ganha-pão.

Só que após alguns dias, percebi que ficou muito mais fácil caminhar e, mesmo na alta temporada, tudo ficou um pouco mais organizado (na medida do possível), e essa medida pode facilitar o trabalho da polícia com diminuição das ocorrências de brigas e pequenos furtos.

O que fica agora é a consciência do turista, em entrar ou não nessa zona delimitada, já que esses artistas fazem parte da cultura da Times Square desde os anos 90 e muitos gostam de tirar fotos com eles.

Por isso, se você quiser tirar uma foto com o Naked Cowboy ou com o Homem Aranha, esteja disposto a remunerá-los justamente com valor mínimo de US$ 5 dólares. Ou você vai querer arrumar encrenca com um super-herói?

🙂


DICAS PARA PLANEJAR SUA VIAGEM


HOSPEDAGEM | Ainda não reservou o hotel? Confira o guia completo "Onde ficar em Nova York".

SEGURO VIAGEM | Faça uma cotação com 5% de desconto e em até 12 vezes no cartão de crédito.

CHIP DE INTERNET | Fique conectado com internet ilimitada e aproveite o FRETE GRÁTIS.

INGRESSOS DAS ATRAÇÕES | Ingressos em reais (R$), sem IOF e em até 6 vezes no cartão.

Jornalista de formação e profissional de marketing com master pela ESPM de São Paulo.

Criador e redator no blog Dicas Nova York, coleciona experiências e histórias marcantes não só em Nova York, sua cidade, mas também de leste a oeste dos Estados Unidos.

O blog é uma paixão antiga e o espaço é utilizado para compartilhar informações e experiências na cidade, para que todos conheçam a Big Apple de um jeito diferente e descontraído.

Seja o primeiro a comentar