O que fazer de graça em Nova York

atrações da times square

O que fazer de graça em Nova York? Essa é uma dúvida comum de quem está planejando uma viagem para a Big Apple e quer economizar o máximo possível – ainda mais com o dólar nas alturas, como está atualmente.

Se esse é o seu caso, temos uma boa notícia: é fácil encontrar programas gratuitos (ou bem baratos) na cidade.

Abaixo, selecionamos as atrações principais que se encaixam nessa categoria. E o bacana é que elas abrem em qualquer época do ano.

Leia também: o que fazer em Nova York

 


O que fazer de graça em Nova York 


Nova York tem atrações para todos os gostos e bolsos, como museus, observatórios, bares, restaurantes e teatros.

Mas andar pelas ruas, passear pelos parques e conhecer as lojas por dentro também são ótimas pedidas. E, o melhor, não custam nada. 

Abaixo, confira uma lista com os lugares e as atividades para fazer de graça em Nova York:

  • Central Park
  • Bryant Park
  • Hudson River Park
  • Prospect Park
  • The High Line
  • Brooklyn Botanic Garden
  • Washington Square Park
  • Battery Park
  • Brooklyn Bridge
  • Estátua da Liberdade – Balsa gratuita
  • Ground Zero – World Trade Center
  • Flatiron Building
  • Roosevelt Island Tramway
  • Times Square
  • Rockefeller Center
  • D.U.M.B.O. no Brooklyn
  • Charging Bull – Touro de Wall Street
  • Coney Island
  • Quinta Avenida
  • Herald Square
  • Grand Central Terminal
  • Biblioteca Pública de Nova York
  • St. Patrick’s Cathedral
  • Apple Store 5th Avenue
  • M&M’s World
  • Apollo Theater
  • SoHo
  • Oculus – World Trade Center Station
  • Nike Store – 5th Avenue
  • Disney Store | Times Square
  • Eataly NYC Flatiron District
  • Chelsea Market
  • Macy’s | Herald Square
  • Little Island

Leia também: principais atrações de Nova York

 


Central Park


central park

Recheado de atrações ao ar livre, o Central Park é um dos pontos turísticos mais conhecidos do mundo. Definitivamente, ele precisa estar presente em qualquer roteiro de Nova York.

No verão, o destaque fica por conta das piscinas públicas e gramados para piquenique.

Já no inverno, o pessoal se reúne no famoso rinque de patinação. 

Leia no blog: 20 atrações no Central Park

 


Bryant Park


Esse espacinho verde em Midtown, no coração de Manhattan, tem muitas atrações em todas as estações do ano.

O local recebe um rinque de patinação bem legal no inverno. No verão, por sua vez, o espaço vira um gramado verdinho com cinema ao ar livre. Excelente para colocar no roteiro para fazer de graça em Nova York.

Leia no blog: Bryant Park em Nova York

 


Hudson River Park


parques de nova york

O Hudson Park fica às margens do Rio Hudson e tem uma vista incrível de New Jersey e do skyline de Manhattan.

Vale muito a pena caminhar pelo parque e curtir os píeres (de onde saem a maioria dos barcos e cruzeiros de Nova York). Outra opção bacana é alugar uma bicicleta e descer pela ciclovia até o sul de Manhattan. 

 


Prospect Park


parques de nova york

Pouco conhecido entre os turistas, o Prospect Park está localizado no coração do Brooklyn e é um dos maiores parques para fazer de graça em Nova York.

Muito parecido com o Central Park, o local conta com atrações como o zoológico Prospect Park Zoo e o Grand Army, monumento em homenagem aos mortos na Guerra Civil.

Saiba mais no site oficial do Prospect Park

 


The High Line


high line em nova york

Projetado de forma suspensa em uma antiga linha de trem abandonada, o The High Line se tornou uma das atrações mais incríveis de Nova York e ajudou a revitalizar as regiões de Hudson Yards e Chelsea.

Caminhar pelos 2 km do parque é presenciar uma mistura do antigo com o novo. É uma verdadeira transformação, com várias intervenções culturais e muita natureza.

Leia no blog: The High Line em Nova York

 


Brooklyn Botanic Garden


brooklyn botanic garden

Muito famoso pelo fenômeno “Cherry Blossom”, que acontece em abril e deixa as árvores com belos tons de rosa, o jardim botânico tem muitas atividades para os turistas.

Às sextas-feiras, a entrada é gratuita até o meio-dia. Já no inverno (dezembro a fevereiro) o acesso é de graça nos dias da semana. 

Leia no blog: Brooklyn Botanic Garden

 


Washington Square Park


washington square park

O bairro de Greenwich Village, um dos mais charmosos de Nova York, é o lar do Washington Square Park.

O espaço não é gigante, mas oferece áreas muito agradáveis e tem uma vista incrível para o Empire State Building. 

O local também é o parque oficial dos “dog walkers”, que passeiam por lá com cachorros de todas as raças e tamanhos.

Leia no blog: Washington Square Park

 


Battery Park


parques de nova york

O Battery Park é famoso por abrigar o píer principal dos barquinhos que vão até a Estátua da Liberdade. Quem passa por lá até consegue ver o monumento de longe e tirar fotos. 

Localizado no extremo sul de Manhattan, o parque é muito frequentado por moradores da região e praticantes de corrida.

Leia também: passeio à Estátua da Liberdade

 


Brooklyn Bridge


Atravessar a ponte do Brooklyn é um dos passeios ao ar livre mais procurados pelos turistas. O melhor de tudo é que ele é totalmente de graça.

Durante toda a travessia, é possível curtir o visual dos prédios de Manhattan. E, ao final do percurso, ainda há uma série de atrações na região do DUMBO.

Leia no blog: travessia da Brooklyn Bridge

 


Estátua da Liberdade – Balsa gratuita


Quem quer ver a Estátua da Liberdade sem pagar nada pode pegar a balsa gratuita que vai até a Staten Island e passa próxima da Liberty Island, local onde fica o monumento.

Não é possível descer na ilha, mas dá para tirar algumas fotos, mesmo de longe, e matar um pouco da vontade de conhecer este que é um dos símbolos de Nova York.

Leia no blog: Estátua da Liberdade em Nova York

 


Ground Zero no World Trade Center


world trade center em nova york

Construído no local onde ficavam os edifícios do World Trade Center, o Ground Zero presta homenagem às vítimas do trágico atentado ocorrido em 11 de setembro de 2001.

São duas piscinas enormes, que contam com um mosaico e exibem os nomes das pessoas que não sobreviveram ao ataque. A visita é totalmente gratuita.

Leia no blog: o que fazer no World Trade Center

 


Flatiron Building


manhattan

O Flatiron Building é um dos edifícios mais icônicos de Nova York. Sua construção, que mais parece um ferro de passar roupa, possibilita fotos incríveis da região conhecida como Flatiron District.

Faça a combinação com uma visita ao mercado italiano Eataly, que fica ao lado do edifício.

Leia no blog: Flatiron Building em Nova York

 


Roosevelt Island Tramway


O bondinho Roosevelt Island Tramway é o transporte oficial dos moradores da Roosevelt Island.

Pouco conhecido pelos turistas, o trajeto proporciona uma vista incrível de Manhattan.

E você pode fazê-lo usando apenas o METROCARD, que é o bilhete do transporte público de Nova York.

Leia no blog: Roosevelt Island em Nova York

 


Times Square


times square

O espaço mais iluminado do mundo recebe mais de 300.000 visitantes todos os dias. E passear por ele não custa absolutamente nada.

Uma vez lá, não deixe de tirar uma foto na famosa escadaria vermelha e contemplar a movimentação, as cores e a vibração que só a Times Square pode proporcionar.

Leia no blog: o que fazer na Times Square

 


Rockefeller Center


manhattan

Depois da Times Square, o Rockefeller Center é um dos pontos turísticos mais procurados pelos visitantes, que dividem espaço para tirar uma foto ao lado das bandeiras dos países.

O complexo conta com várias lojas, restaurantes e, no inverno, recebe o famoso rinque de patinação. Se quiser gastar um pouco, suba no Observatório Top of the Rock, que tem uma das vistas mais legais de Nova York.

Leia no blog: o que fazer no Rockefeller Center

 


DUMBO no Brooklyn


A região conhecida como D.U.M.B.O. – abreviação para “Down Under Manhattan Bridge Overpass” – é um dos grandes destaques do Brooklyn.

Seu ponto mais procurado é o endereço da 25 Washington Street, de onde é possível tirar fotos da Manhattan Bridge com o Empire State ao fundo.

Leia no blog: D.U.M.B.O. no Brooklyn

 


Charging Bull – Touro de Wall Street


roteiro de 7 dias em nova york

O Charging Bull, o touro de bronze da Bolsa de Wall Street, é um dos pontos mais icônicos de Nova York.

A área onde ele fica está sempre cheia de turistas, que se espremem para tirar uma foto e, o mais curioso, esfregar seus testículos, chifres ou focinho.

Reza a lenda que tocar nessas partes da estátua traz sorte, prosperidade e dinheiro.

Leia no blog: touro de Wall Street

 


CHIP T-MOBILE | INTERNET ILIMITADA

Compre o chip de celular no Brasil com desconto de 10% e chegue nos EUA com internet ilimitada. Utilize o cupom: DICASNOVAYORK
 


Coney Island


coney island em nova york

Quem disse que Nova York não tem praia? Localizada no extremo sul do Brooklyn, Coney Island fica lotada, principalmente no verão.

O trajeto de metrô a partir de Manhattan demora cerca de uma hora. É um passeio interessante para fazer em qualquer estação do ano.

Leia no blog: Coney Island em Nova York

 


Quinta Avenida


o que fazer em nova york

Reduto de lojas das marcas mais famosas do mundo, a avenida é cenário de vários filmes e séries e serve de inspiração para muitos diretores de cinema.

O local expõe o lado mais glamouroso e rico da cidade, e quem passa por lá nem precisa comprar nada. Caminhar e olhar as vitrines das lojas, entre as ruas 52 e 59, já é um passeio bem legal. 

Leia também: compras em Nova York

 


Herald Square


nova york em agosto

Costumo dizer que a Herald Square é uma extensão da Times Square, já que as duas são separadas por menos de 10 quarteirões e conquistam os turistas com suas lojas famosas.

Os principais hotéis da cidade também estão localizados na Herald Square. E próximo a ela ficam atrações como Empire State Building, Macy’s, Madison Square Garden e B&H Photo Video.

Leia no blog: Herald Square em Nova York

 


Grand Central Terminal


Grand Central Terminal em Nova York

O Grand Central Terminal vai muito além de um simples terminal de trens. Na verdade, parece mais um shopping, cheio de restaurantes e lojas.

A decoração também conquista quem passa por lá. Do teto à bilheteria, tudo é impressionante.

Não à toa, o complexo já serviu de cenário para vários filmes – um dos mais marcantes é a animação “Madagascar”.

Quem quiser visitar, não precisa pagar nada.

Leia no blog: Grand Central Terminal

 


Biblioteca Pública de Nova York


new york public library

A principal biblioteca dos Estados Unidos tem um acervo com mais de 50 milhões de livros. Há até uma edição da Bíblia de Gutenberg.

Além disso, o local preserva a belíssima arquitetura de quando foi construído, em 1895.

A entrada é gratuita. O visitante só precisa passar pelo sistema de segurança e manter o silêncio, já que muita gente vai ao prédio para estudar e fazer pesquisas. 

Leia no blog: biblioteca pública de Nova York

 


St. Patrick’s Cathedral


nova york em março

Sem dúvidas, a catedral de St. Patrick é um dos pontos turísticos gratuitos mais interessantes para fazer de graça em Nova York.

Depois da reforma, o local conseguiu ficar ainda mais atraente e é o destaque no meio das lojas de luxo e dos prédios altos da Quinta Avenida. 

Leia no blog: St. Patrick Cathedral em Nova York

 


Apple Store 5th Avenue


apple store

A icônica loja da Apple, localizada na 5ª avenida, chama a atenção de todos pela sua construção em formato de cubo de vidro.

Impossível não se impressionar com a estrutura do local, que funciona 24 horas, todos os dias do ano, e está sempre lotado de clientes e de pessoas que procuram wi-fi grátis.

Leia no blog: Apple Store em Nova York

 


M&M’s World


nova york com crianças

É quase impossível passear pela Times Square e não entrar na M&M’s World Store.

A loja oficial do chocolate mais famoso do mundo tem um telão interativo que mais parece um imã, porque chama a atenção de todos que estão de passagem.

Por dentro, o lugar é ainda mais legal. São centenas de souvenirs que levam a marca M&M’s. A entrada é gratuita, mas é difícil sair de lá sem comprar alguma coisa.

Leia no blog: M&M’s World na Times Square

 


Apollo Theater


harlem

O teatro serviu de palco para lançar nomes como Jackson 5, Ella Fitzgerald e James Brown, entre centenas de outros artistas, e é um dos patrimônios históricos do Harlem e de Nova York.

A recepção fica sempre aberta e tem entrada gratuita. Lá, você pode conhecer um pouco da história do local e comprar souvenirs na lojinha.

Leia no blog: Apollo Theater em Nova York

 


SoHo


nova york em janeiro

As ruas do SoHo já foram referência de moda e do circuito alternativo de Nova York. E, ainda hoje, sustenta muitas grifes famosas e tem aquele charme que mistura o antigo com o novo.

Recomendo caminhar e se “perder” na Prince Street e na Spring Street.

Leia no blog: roteiro de compras no SoHo

 


Oculus – World Trade Center Station


nova york em janeiro

A estação de trem “Oculus” é uma obra de arte do artista espanhol Santiago Calatrava (mesmo criador do Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro). 

O terminal abriga a estação World Trade Center Station, que fica localizada ao lado do edifício One World Trade Center.

O espaço também tem um grande shopping chamado Westfield, com diversas lojas, como a Apple Store, e restaurantes, como o mercado italiano Eataly.

Leia no blog: Oculus em Nova York

 


Nike Store – 5th Avenue


nike store

É até estranho indicar uma loja da Nike como um ponto turístico. Entretanto, essa unidade é bem diferente. 

São cinco andares divididos por modalidades, com o melhor da marca. Além disso, os artigos são expostos de uma forma diferenciada. Parece até que estão em um museu.

Leia no blog: Nike Store na Quinta Avenida

 


Disney Store | Times Square


A loja da Disney na Times Square tem entrada grátis, mas é difícil sair sem comprar nada. 

São dois andares com tudo que você pode imaginar da marca, e os preços não são muito diferentes dos cobrados em Orlando, na Flórida.

Leia no blog: Disney Store na Times Square

 


Eataly NYC Flatiron District


eataly

O mercado italiano Eataly é um daqueles lugares imperdíveis para conhecer em Nova York.

Caso não resista e queira experimentar algo bem típico, aproveite um dos vários restaurantes temáticos espalhados pelo complexo. Vale muito a pena!

Leia no blog: Eataly em Nova York

 


Chelsea Market


chuva

As instalações da antiga fábrica da Nabisco abrigam o Chelsea Market. E um fato curioso: lá foi criada a bolacha Oreo.   

Não deixe de andar pelos corredores históricos, que foram mantidos e se tornaram um dos pontos turísticos da cidade, com vários restaurantes e opções gastronômicas.

Leia no blog: Chelsea Market em Nova York

 


Macy’s | Herald Square


nova york em dezembro

Aberta em 1902, a loja tem 11 andares e está localizada na Herald Square. Os pavimentos são gigantescos e divididos por seções, com tudo que é possível imaginar. 

A curiosidade fica por conta das escadas rolantes dos andares intermediários, que ainda são de madeira. 

Leia no blog: Macy’s em Nova York

 


Little Island


little island

O parque flutuante Little Island é outro local para fazer de graça em Nova York.

Localizado no bairro do Chelsea, o parque conta com 132 colunas de concreto que emergem do Hudson River. 

Vale a pena destacar que a arquitetura do local foi projetada por Thomas Heatherwick, do Heatherwick Studio, o mesmo criador do monumento The Vessel, do Hudson Yards.

Leia no blog: Little Island em Nova York 

 


Atrações gratuitas em Nova York


Agora que você já sabe o que fazer de graça em Nova York, fica mais fácil organizar um roteiro incrível pela Big Apple. 

Inserir passeios gratuitos na programação é uma das melhores formas de economizar dinheiro e ainda conhecer vários lugares icônicos da cidade. 

Vale a pena analisar as opções com calma e mesclar as atividades gratuitas com passeios imperdíveis que são pagos. 

Confira vídeo no nosso canal no YouTube com mais dicas do que fazer de graça em Nova York.

 


Guia de Bairros de Nova York 


O Dicas Nova York tem um e-book com mais de 200 páginas com todas as informações que você precisa para conhecer melhor a cidade.

No e-book você encontrará:

  • Dicas testadas e aprovadas nos 5 distritos da Big Apple;
  • Panorama geral sobre os principais bairros;
  • Listas do que fazer em Nova York, onde comer e onde ficar;
  • Como utilizar o metrô;
  • Uso do Google Maps na locomoção diária;
  • Cupons de descontos para economizar.

Clique aqui para adquirir o Guia de Bairros de Nova York

O Guia de Bairros de Nova York é sempre atualizado e totalmente interativo, para navegação em qualquer celular, tablet ou computador.

 


PLANEJAMENTO DE VIAGEM

GUIA DE BAIRROS: e-book com dicas do que fazer, onde comer e onde ficar

INGRESSOS: atrações de Nova York com valores em reais e 12 vezes

CHIP EUA: compre no Brasil com 10% de desconto. Cupom DICASNOVAYORK

SEGURO VIAGEM: faça uma cotação e contrate o seguro com 15% de desconto.

PASSE DE ATRAÇÕES:  SightSeeing Pass com 20% de desconto. Cupom DICASNOVAYORK 

HOSPEDAGEM: lista dos hotéis mais reservados pelos brasileiros em Nova York.

TRANSFER AEROPORTO: com motorista brasileiro e atendimento personalizado

CONTA EM DÓLAR: abra sua conta na NOMAD e receba $10 após remessa. Cupom DICASNY10

GRUPO DE WHATSAPP: Faça parte do grupo com dicas exclusivas para ajudar na sua viagem


Compartilhe

Fábio Angheben é jornalista e criador do Dicas Nova York. Apaixonado pela Big Apple, estuda muito e conhece em detalhes todas as ruas, histórias dos prédios, atrações e sonha um dia experimentar todos os hambúrgueres da cidade. Vive e respira Nova York todos os dias. Por isso, conta suas experiências no blog com muito carinho e atenção nos detalhes para a todos. Seu olhar ainda é de turista (talvez nunca perca isso) e adora trocar ideia sobre as experiências vividas em Nova York.

32 Comments

  • Responder fevereiro 16, 2020

    Ezequielli

    Ótimas dicas, estou usando todas para montar meu roteiro ??

  • Responder janeiro 23, 2020

    Liah

    pretendo ir no final do ano em nova york
    adorei as dicar obrigado

  • Responder dezembro 30, 2019

    Camila Ederman

    Muito bom. Eu usei muitas dicas para fazer o meu roteiro. Vamos dia 29/02, começo de Março estaremos pela Cidade.

    • Responder janeiro 2, 2020

      Fabio Angheben

      Muito obrigado Camila.

      Fico muito feliz em fazer parte do planeamento da sua viagem.

      Obrigado.

  • Responder julho 29, 2019

    Daiala

    Adorei o blog !
    estarei indo por 6 dias em setembro e estou montando meu roteiro por aqui !
    Parabéns !

    • Responder julho 29, 2019

      Fabio Angheben

      Olá Daiala, tudo bem?

      Que demais! Muito obrigado por utilizar o blog no seu planejamento de viagem.

      Conte comigo no que precisar.

      Obrigado.

      • Responder outubro 24, 2019

        Maria Isabel

        Fábio

        Encantada com suas dicas gratuitas! Estamos montando um roteiro de 7 dias seguindo o seu! Com o dólar nas alturas seu blog é providencial!!!
        Gratidão

        • Responder outubro 31, 2019

          Fabio Angheben

          Olá Maria Isabel, tudo bem?

          Eu que agradeço por acompanhar as minhas dicas.

          Espero que aproveite muito Nova York.

  • Responder junho 4, 2019

    Neli

    Olá, maravilhosas são as suas dicas!

  • Responder abril 22, 2019

    Monica

    Olá boa tarde! Estou indo em 24/06/19 para Nova York e com certeza vou seguir seu roteiro. Obrigada e parabéns pelo blog

    • Responder abril 22, 2019

      Fabio Angheben

      Olá Monica, tudo bem?

      Que demais! Agradeço muito pela confiança e por acompanhar minhas dicas.

      Espero que aproveite muito sua viagem.

      Obrigado.

  • Responder março 29, 2019

    Carmen Baptista

    Adorando tudo isso….estou planejando ir em Outubro (rezando pra conseguir o visto). Obrigada por compartilhar suas experiências! Montando meu roteiro e já incluindo esses passeios. 😉

    • Responder março 29, 2019

      Fabio Angheben

      Olá Carmen, tudo bem?

      Que demais! Você está certa em já programar sua viagem, porque Nova York é uma cidade que precisa de planejamento.

      Vai dar tudo certo com seu visto e logo você estará na cidade aproveitando todas as atrações.

      Obrigado.

  • Responder março 5, 2019

    Carla Perin Fraga

    Olá obrigada pelas dicas iremos para Nova York dia 12 de marco a 30 de marco 2019 …levarei como roteiro suas dicas adorei …

    • Responder março 6, 2019

      Fabio Angheben

      Olá Carla, tudo bem?

      Eu que agradeço por acompanhar minhas dicas. Espero que aproveite muito sua viagem. 🙂

      Obrigado.

  • Responder fevereiro 26, 2019

    Gabriel

    Obrigado pelas dicas! 🙂

    Irei a primeira vez a NY de 18 a 24 de Março 2019.
    Um abraço!

    • Responder fevereiro 27, 2019

      Fabio Angheben

      Olá Gabriel, tudo bem?

      Eu que agradeço por acompanhar minhas dicas.

      Espero que curta muito seus dias em Nova York.

      Obrigado.

  • Responder fevereiro 10, 2019

    Simone

    O cubo de vidro da Apple da 5th já voltou? Estive em NY em Outubro/17 e a loja ainda estava no predio que era a FAO

    • Responder fevereiro 11, 2019

      Fabio Angheben

      Olá Simone, tudo bem?

      A loja ainda está fechada e a previsão de reabertura é só em 2020.

      Obrigado.

  • Responder junho 26, 2018

    Eliete

    Achei top as dicas!!so indo agora para conferir

  • Responder junho 26, 2018

    Regina

    Fui a Ny varias vezes e achei o seu Guia fantástico .. realizei quase todos os tópicos mas me falaram que a expressão usada nas entradas seria “ my donation “ .. vou marcar as pessoas que pedem sugestão pois acredito que elas estarão bem direcionadas .. Parabéns

    • Responder junho 26, 2018

      Fabio Angheben

      Muito obrigado Regina!

      Nova York sempre tem muitas novidades e coisas para fazer.

      Quanto aos museus, pode ser chamado de donation ou suggested contribution.

      Obrigado por acompanhar o blog.

      • Responder fevereiro 24, 2019

        Helena

        Pra conhecer esses lugares sem cansar demais kkkk quantos dias no mínimo seriam necessários? E é bom ficar no mesmo hotel nesses dias?

        • Responder fevereiro 25, 2019

          Fabio Angheben

          Olá Helena, tudo bem?

          Você não precisa conhecer todos os lugares em apenas uma viagem, apenas o que desejar ou achar interessante.

          No blog tem diversos roteiros, conforme a quantidade de dias da sua viagem, para ajudar no planejamento.

          Quanto ao hotel, recomendo ficar na região da Times Square e Central Park, porque assim facilita o deslocamento a pé e de metrô.

          Obrigado.

  • Responder maio 27, 2018

    Bárbara Machado

    Olá, Boa Tarde,
    em alguns sites olhei e dizia que toda a sexta era entrada gratuita no Jardim Botanico do Brooklyn, aqui você comentou na terça. Sabe me dizer se realmente é na terça, e se esse dia pode alterar?

    • Responder maio 27, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Bárbara, tudo bem?

      O Brooklyn Botanic Garden sempre atualiza o dia grátis.

      Esse ano eles alteraram para toda sexta-feira até o meio dia. De dezembro a fevereiro a entrada é grátis durante a semana.

      Obrigado pelo comentário.

  • Responder março 6, 2018

    Robson Eustáquio de Mesquita

    Muito bom saber que há tanta coisa pra fazer “de grátis” naquela cidade!

    • Responder março 6, 2018

      Fabio Angheben

      A cidade tem muitas atrações gratuitas, inclusive as sazonais em todas as estações do ano. 🙂

Leave a Reply