NOVA YORK para WASHINGTON: passeio bate e volta com guia em português

washington

Você sabia que o bate e volta de Nova York para Washington D.C. é um dos passeios mais procurados pelos brasileiros?

Não é por menos, a capital dos Estados Unidos é repleta de atrações e museus gratuitos que fazem valer o investimento.

Existem diversas formas de conhecer a cidade de Washington que fica a aproximadamente 4 horas de ônibus de Nova York.

Nesse post, vou contar a minha experiência com a excursão bate e volta de ônibus que tem saídas de Nova York e conta com guia em português.

 


POR QUE CONHECER WASHINGTON D.C.?


washington

Essa é uma pergunta muito comum e mais do que justa, porque Nova York é repleta de coisas para fazer e nem sempre dá tempo para conhecer o básico, então por que viajar para outra cidade?

Todos sabem que viajar para os Estados Unidos não é barato, ainda mais com esse dólar nas alturas, por isso muitos turistas aproveitam a ocasião para incluir o máximo de possibilidades e atrações dentro do roteiro, entre elas conhecer cidades vizinhas como Philadelphia, Boston e Washington.

Clique aqui para consultar os valores das excursões

Esses passeios bate e volta são recomendados para quem vai ficar mais do que 7 dias ou já viajou outras vezes para Nova York e procura fazer algo fora do circuito turístico.

Lembro que visitei Washington pela primeira vez em 2011 e fiquei de boca aberta como o distrito federal é organizado e preparado para o turismo.

De lá para cá foram muitas outras visitas e ainda fico surpreso com a quantidade de museus, monumentos e histórias que a cidade tem para o visitante.

 


WASHINGTON COM GUIA EM PORTUGUÊS


washington

Entre as diversas possibilidades do bate e volta até a capital federal dos EUA, o mais recomendado é fazer um tour com guia em português, para aproveitar as poucas horas na cidade de forma mais eficiente e conhecer as principais atrações.

Nessa ocasião, tive a experiência de fazer o passeio guiado comercializado pela WePlann, empresa de venda de ingressos para atrações e tours em reais e em até 6 vezes sem juros, que recomendo no blog.

A excursão é realizada por uma agência especializada em atender turistas do mundo inteiro, com guias credenciados em todas as línguas, inclusive o português.

Clique aqui para informações e reservas do passeio

washington

O ponto de encontro do passeio foi às 7h no Visitor Center do City SightSeeing, localizado ao lado da Times Square e próximo de vários hotéis como ROW NYC, RIU Plaza, Hilton Garden Inn, entre outros.

Leia também: onde ficar em Manhattan

Cheguei um pouco mais cedo no local marcado e já tinham os orientadores brasileiros para ajudar e foi necessário apenas apresentar o voucher da reserva para ser realizar o check-in e aguardar o embarque no ônibus.

Caso chegue um pouco mais cedo, como aconteceu comigo, do outro lado da rua do Visitor Center tem uma Starbucks, que já quebra um galho para tomar um café antes da viagem.

O passeio tem duração aproximada de 13 horas, com retorno a Manhattan entre 21h e 22h.

 


O PASSEIO


washington

Fiquei impressionado com a quantidade de ônibus que essa agência consegue reservar com turistas de várias nacionalidades, principalmente europeus e brasileiros.

No meu ônibus tinham apenas 6 brasileiros, que foram colocados nos bancos da frente, e o restante do grupo era composto de franceses e argentinos.

O tour tinha uma guia no fundo que falava espanhol com os argentinos e na parte da frente do ônibus ficou com guia André que narrava em português e francês os acontecimentos e fatos históricos no trajeto.

Pelo que entendi essa divisão foi atípica, porque o guia comentou comigo que, geralmente, o ônibus fica lotado de brasileiros e com apenas um guia em português. Mas também não vi nenhum problema no passeio compartilhado.

washington

O ônibus é bem confortável, não vai totalmente cheio, com wi-fi para os passageiros e entradas para carregar o celular ou outros aparelhos eletrônicos.

Como o trajeto é um pouco longo, a primeira parada para tomar um café e descansar acontece em Delaware, cerca de 1h30min de Manhattan, em uma praça de alimentação com várias opções para fazer um lanche.

washington

Delaware foi muito importante para a Independência dos Estados Unidos e foi o primeiro Estado a ratificar a constituição americana. Por isso, é comum ver nas placas dos carros locais a menção de “First State” (primeiro Estado).

 


OS LOCAIS VISITADOS


O guia conta várias histórias durante as 4 horas de viagem, mas em muitos momentos ele fica em silêncio, o que ajuda bastante a descansar um pouco e se preparar para o dia intenso para conhecer as atrações da capital federal.

Quando o ônibus se aproxima de Washington é possível observar que a cidade não tem prédios altos, porque uma lei impede que qualquer outro edifício seja maior que o Capitólio, o que deixa a cidade ainda mais charmosa e muito diferente de Nova York.

 


Primeira parada – Cemitério Nacional de Arlington


washington

Esse cemitério militar é um dos locais mais visitados pelos americanos, porque são mais de 400 mil combatentes mortos que serviram nas guerras e suas respectivas famílias que também tem direito de ter o “descanso final”no cemitério.

washington

O local é gigantesco e foi a antiga fazenda do General Robert Edward Lee, comandante das tropas dos “Confederados”, que representavam o sul na Guerra Civil dos Estados Unidos, e que seria derrotado pelas tropas da “União” que representavam o norte.

washington

Para muita gente é muito estranho visitar um cemitério, mas é uma prática muito comum no turismo mundial conhecer esses locais cheios de homenagens e fatos históricos. Caso você não queira visitar, basta informar ao guia e aguardar no ônibus.

washington

A parada tem uns 40 minutos com a explicação do guia sobre a importância do local, algumas histórias e depois uma visita breve ao túmulo do presidente John Kennedy e sua família, que é representado com uma “chama eterna”.

 


Segunda parada – Monumentos das Guerras da Coreia e Vietnã


washington

Já em Washington, a segunda parada é nos monumentos criados para homenagear os combatentes nas guerras da Coreia e do Vietnã.

washington

Essas duas batalhas nunca terminaram e tiveram participação marcante dos Estados Unidos com o envio de milhares de soldados, mas sem declaração de vencedores. Se é que existe vencedores e perdedores em uma guerra…

washington

Só na Guerra do Vietnã foram mais de 58 mil americanos mortos nos campos de batalhas e seus nomes estão representados em dois muros chamados de Lincoln e Washington. Um lugar bem triste e de reflexão de como a humanidade nunca esteve em paz.

 


Terceira parada – Memorial de Abraham Lincoln


washington

Um dos lugares mais emblemáticos da história dos Estados Unidos e que conta com uma estátua gigantesca do ex-presidente Abraham Lincoln.

washington

No chão do topo das escadarias do memorial tem a homenagem “I have a Dream”, em referência ao histórico discurso do pastor e político Martin Luther King Jr. para milhares de seguidores em 1963.

washington

Talvez esse seja um dos pontos turísticos mais lotados durante todo o passeio e fazer uma foto sem dezenas de pessoas na frente é quase uma missão impossível e requer muita paciência.

O guia deixa o grupo livre por 20 minutos e determina um ponto de encontro para seguirmos a viagem.

washington

Aproveitei a parada para chegar bem próximo do famoso espelho d’água, que me faz lembrar da clássica cena do filme “Forest Gump”.

 


Quarta parada – Casa Branca


washington

Não tem residência mais famosa no mundo que a “White House”, casa atual do presidente Donald Trump e que já serviu de abrigo para os principais presidentes dos EUA, além de inspirar os diretores de diversos filmes de Hollywood.

Toda área é isolada e vigiada por policiais fortemente armados, que estão sempre ali de prontidão para qualquer eventualidade ou apenas para fazer a segurança do local. O local fica bem cheio, mas nada impossível de tirar fotos com a “White House” sem ninguém na frente.

washington

Essa parada é bem rápida, porque o guia explica rapidamente a construção da residência, com um tempinho para tirar fotos do jeito que preferir, mas também não tem muita coisa para fazer além de observar a casa ao fundo.

 


Quinta parada – Almoço e Museu do Ar e Espaço


washington

A quarta parada é na área destinada a diversos museus administrados pela fundação Smithsonian, que oferece entrada gratuita para todos os públicos.

washington

O tempo para visita ao museu é dividido em fazer uma breve refeição em um dos diversos food trucks estacionados ao longo da avenida e visitar um dos diversos museus disponíveis na região.

washington

As pessoas pegam os lanches e comem no gramado com essa bela vista para o Capitólio.

washington

Depois de comer um “Philly CheeseSteak” uma espécie de churrasco com queijo, prato típico da Philadelphia, foi hora de correr para aproveitar o pouco tempo restante e visitar o “Smithsonian National Air and Space Museum”, que é o meu museu favorito junto com o Metropolitan.

washington

Melhor de tudo que a entrada é gratuita, super organizada, e em poucos minutos já é possível visitar o melhor da história da aviação e de espaçonaves.

washington

Esse museu é realmente especial com exposição de aviões utilizados em diversas guerras, salas com filmes, documentários e muito mais.

washington

O Museu do Ar e Espaço deixa sempre aquele gostinho de querer voltar para Washington, porque em 1 hora não é possível visitar nem metade do que o espaço oferece de entretenimento para o visitante.

 


Última parada – Capitólio dos Estados Unidos


washington

O passeio já está próximo do fim, mas ainda vai fechar com chave de ouro com uma breve visita ao Capitólio dos Estados Unidos.

Infelizmente, não é possível visitar por dentro o prédio do Centro Legislativo, por isso tem que se contentar em tirar belas fotos e guardar essa recordação.

washington

O guia explica que no centro da cúpula tem uma Estátua da Liberdade e que a construção é um dos locais mais fotografados dos EUA.

A excursão chega ao fim, com retorno para Nova York às 17h, com uma parada estratégica de 30 minutos no meio da viagem para banheiro e comer alguma coisa, e chegada em Manhattan às 21h30 para ainda curtir um pouco as luzes da Times Square.

 


MINHA EXPERIÊNCIA


washington

O tour é bem corrido, porque a capital federal não é tão próxima de Manhattan, mas todo o trajeto é muito tranquilo, em estradas seguras e sem imprevistos.

A cidade estava muito cheia, por ser um sábado e também porque Maio é ainda a época da pausa escolar, com muitas excursões de crianças e veteranos de guerra, só que isso não atrapalha em nada a experiência, porque Nova York é muito mais lotada.

O guia foi simpático e solícito em todos os momentos, mesmo quando era questionado com outras perguntas que fugiam do seu roteiro, como todo guia deve ser. 

A gorjeta é opcional no final do trabalho e, como qualquer serviço em Nova York, é recomendado gratificar o esforço com algum valor. No meu caso, a gorjeta foi de US$ 10.

No passeio não tive nenhum outro gasto com museus ou atrações porque tudo é de graça para visitação. O único custo será com alimentação.

No final da excursão para Washington fica aquele cansaço normal, porque é um dia inteiro com muitas coisas para fazer, mas também tem aquela sensação de prazer por ter conhecido algo incrível que é a capital federal dos EUA.

 


COMO COMPRAR O TOUR DE WASHINGTON


A excursão a Washington está disponível na plataforma de vendas do blog, em parceria com a WePlann, com pagamento em reais e em até 6 vezes sem juros.

O tour tem saídas todos os dias da semana às 7h e é necessário fazer a reserva com antecedência.

Clique aqui para informações e reservas do passeio

Após a reserva, será enviado um voucher para o e-mail com a comprovação da compra e informações do ponto de encontro para saída do ônibus.

Não é necessário pagar mais nada e não existe nenhuma outra taxa/tarifa a ser cobrada, além do valor pago antecipadamente pelo passeio.

 


DICAS IMPORTANTES


washington

Esse passeio por Washington D.C. não tem restaurantes e opções para alimentação, por isso faça um café da manhã bem reforçado para aguentar o tour e aproveite o lanche em Delaware para reforçar o estoque de água e comida.

Os argentinos que conheci no ônibus foram bem espertos e compraram uns lanches, salgadinhos e água na Walgreens (farmácia que vende de tudo) e levaram na mochila. Essa alternativa diminui bastante o custo com alimentação durante a excursão.

– Chegue no ponto de encontro uns 20 minutos antes do horário marcado;
– Os finais de semana são mais cheios em Washington. Se possível, reserve o passeio durante a semana;
– Evite dispersar muito do grupo para não perder o guia de vista;
– Atente-se aos horários de retorno ao ponto de encontro;
– Use roupas confortáveis para caminhar com tranquilidade;
– Leve o cabo para carregar seu celular durante a viagem.

O clima em Washington é bem diferente de Nova York, tudo por lá é mais extremo.  Quando é calor a terra ferve e quando está frio é um vento de cortar a alma. Por isso, verifique a previsão do tempo na parte da manhã, antes de sair para o tour.

Clique aqui para informações e reservas do passeio

 


Visitar a cidade de Washington é sempre uma sensação incrível, porque é estar próximo dos principais fatos da história dos EUA e do mundo. Recomendo essa experiência a todos, pelo menos uma vez na vida.

E aí você tem vontade de visitar Washington? Tem alguma dúvida? Deixe um comentário.

🙂

Jornalista de formação e apaixonado por esportes americanos. O Dicas Nova York é o seu espaço para compartilhar informações e experiências, para que todos conheçam a Big Apple de um jeito diferente e descontraído.

20 Comments

  • Responder setembro 24, 2018

    Jaqueline Ferreira

    Olá Fábio ! Somos de SP, e vamos a NY em Janeiro/2019 eu e meus 2 filhos (15 e 18 anos), conheci seu blog pesquisando na internet e estou adorando as dicas. Já estive em NY, mas foi a muito tempo, e já vi que tem muitas novidades! Em relação a esse bate-volta NY/ Washington, achei muito legal, meu filho quer muito ir! Mas entrei no link e não há opções de reservas para os meses de Janeiro, Fevereiro e Março/2019. Mas já há para Abril até Dezembro de 2019…
    Não farão o passeio de Jan a Março/2019?? O inverno pode interferir, digo, há problemas de fechamento de estradas em virtude de neve ou coisa do tipo??
    Desde já te agradeço e parabéns pelo Blog !
    Jaqueline Ferreira

    • Responder setembro 24, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Jaqueline, tudo bem?

      Fico muito feliz em saber que descobriu o blog e está gostando das dicas. 🙂

      Nova York está em constantes mudanças e tenho certeza que vai encontrar uma cidade diferente e cheia de atividades.

      Quanto ao bate e volta de Washington, por algum problema técnico ainda não estão disponíveis as datas dos 3 primeiros meses de 2019. Já conversei com o pessoal que vende os ingressos e vão resolver em breve.

      O passeio funciona normalmente, mesmo no inverno, porque as estradas fecham apenas casos extremos e muito raramente.

      Muito obrigado e conte comigo no que precisar.

      • Responder setembro 25, 2018

        Jaqueline Ferreira

        Ok Fabio !

        Obrigada pelo retorno ! Vou ficar acompanhando aqui para ver quando as datas de Janeiro estarão disponíveis. 🙂

        • Responder setembro 27, 2018

          Fabio Angheben

          Eu que agradeço e acredito que no próximo mês já estará disponíveis as datas para reservas.

          Obrigado. 🙂

        • Responder outubro 11, 2018

          Jaqueline Ferreira

          Olá Fabio !
          Eu tenho verificado no site weplann e até o momento não consta a opção de reserva do passeio para Washington para os 3 primeiros meses de 2019, você tem alguma informação mais atualizada a respeito?
          Obrigada!
          Jaqueline Ferreira

          • outubro 11, 2018

            Fabio Angheben

            Olá Jaqueline, tudo bem?

            Conversei com o pessoal da WePlann na semana passada e eles falaram que estão com problemas técnicos para inserir os 3 primeiros meses do ano no sistema.

            Porém, garantiram que até o meados de Novembro está tudo regularizado.

            Fique tranquila, esses meses são de baixa temporada e você vai conseguir fazer sua reserva sem problemas.

            Se precisar de alguma ajuda, conte comigo.

            Obrigado.

          • outubro 16, 2018

            Jaqueline Ferreira

            Olá Fabio !
            Ok, obrigada pelo retorno, vou tentar em novembro!
            🙂

          • outubro 16, 2018

            Fabio Angheben

            Eu que agradeço e fico à disposição.

            🙂

  • Responder setembro 19, 2018

    Jorge

    Oi Fabio.
    Tudo bem ?
    Eu estou meio receoso de ir nesse passeio porque falaram que o tempo de parada na casa Branca é de uns 15 minutos e que o tempo no Space museum é muito grande, assim como no cemiterio. Eu gosto pelo fato de que eles organizam tudo e o guia em portugues, ja que minha mae nao fala ingles.
    Você acha que mesmo assim vale a pena? Pensei em ir com ela sozinho mesmo.

    • Responder setembro 20, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Jorge, tudo bem?

      Eu fiz esse passeio, conforme relatei no post, e é um pouco corrido por ser um bate e volta, mas não tenho o que reclamar.

      Na visita à Casa Branca não tem muito o que fazer porque só dá para tirar foto de longe e nada mais, por isso 15 minutos são mais do que suficientes para isso.

      Nos museus, fica de livre escolha ir em qualquer um, são vários um ao lado do outro, e ainda tem tempo para comer alguma coisa na região.

      Acredito que ir com guia em português é uma boa opção para conhecer as principais atrações.

      Você também pode ir por conta própria, sem problemas, assim fica mais livre para fazer o seu roteiro. 🙂

      Obrigado.

  • Responder julho 31, 2018

    Monique

    Oi Fábio, visitar seu site e suas dicas tem sido uma rotina para mim… amando tudo!
    Como vamos estar de carro, pensamos em dividir o passeio em dois dias, você recomenda?
    Hotel e sugestão de restaurante tem? Vamos estar em 4 adultos e uma criança de 5 anos, por isso queria um restaurante e não apenas um lanche.
    Mais uma vez obrigada pelas dicas!

    • Responder julho 31, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Monique, tudo bem?

      Sua mensagem me deixou muito feliz! É um prazer saber que gosta do meu site.

      Com o carro você pode curtir Washington com mais calma e dividir em dois dias.

      Posso indicar hotel e restaurantes sim. Envie um email para fabio@dicasnovayork.com.br que ajudo você.

      Obrigado mais uma vez.

  • Responder junho 19, 2018

    Filipe

    Olá Fábio. Tudo bem?
    Em sua descrição do passeio vc diz que o ponto de encontro é em Visitor Center do City SightSeeing. Gostaria de saber se nesse local vendem os SightSeeing Pass Flex…ou esse tipo de CityPass só pode ser comprado online?

    • Responder junho 20, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Filipe, tudo bem?

      Eu recomendo sempre comprar o SightSeeing Flex Pass pelo site oficial, porque sempre tem promoção e descontos.

      Entrei agora e vi que tem desconto de 20% para compras até dia 26.06. Aproveite!

      No blog tem minha experiência e todas as dicas de como comprar o passe: https://dicasnovayork.com.br/new-york-sightseeing-pass/

      Obrigado.

  • Responder junho 4, 2018

    Stéfanie

    Queria muito fazer esse passeio, estou com viagem marcada pra fevereiro/2019, mas ainda não tem essa data disponível pra eu fazer a reserva do passeio. Sabe quando abre a agenda do ano que vem?

    • Responder junho 4, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Stéfanie, tudo bem?

      Geralmente, os passeios tem as datas liberadas com 4 ou 5 meses de antecedência.

      Se você vai em janeiro, pode entrar e fazer sua reserva em outubro sem problemas que vai ter vagas.

      Caso precise de ajuda, conte comigo.

      Obrigado.

  • Responder maio 25, 2018

    Ivana Mantovani Drumond Frazão

    O tour foi maravilhoso….recomendo. Conhecer você foi fantástico. Obrigada pelas dicas…Nossa estadia em NY foi inesquecível…Voltaremos brevemente. Bjs carinhosos.

    • Responder maio 27, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Ivana, tudo bem?

      O passeio foi incrível mesmo! Foi um prazer conhecê-los e fiquei muito feliz que você realizou seu sonho.

      Espero que retorne logo a Nova York, porque tem muito para conhecer ainda.

      Continue viajando e realizando seus sonhos.

      Muito obrigado pelo comentário.

  • Responder maio 21, 2018

    Maria Terezinha Muniz Malafaia

    Fabio,suas dicas são ótimas.Estava neste passeio e gostei muito de lhe conhecer.
    desejo muito sucesso para seu blog.
    Sou do interior do Estado do Rio.Deus lhe abençoe.

    • Responder maio 22, 2018

      Fabio Angheben

      Olá Maria Terezinha, tudo bem?

      Muito obrigado pelo comentário e por entrar no meu blog.

      Esse passeio foi incrível mesmo, fico muito feliz que tenha gostado.

      Foi um prazer em conhecê-la e que venham muito mais viagens para todos. 🙂

      Obrigado.

Leave a Reply