Conexão em Nova York: o que fazer em poucas horas

Fazer uma conexão em Nova York é uma forma de aproveitar o tempo que seria passado no aeroporto, sem fazer nada, para conhecer um pouquinho das atrações da cidade.

Tudo que você precisa é ter um planejamento do que vai fazer e do que tem vontade de conhecer, assim vai aproveitar melhor o seu tempo e não correr riscos.

Nesse post, tem todas as dicas para ajudar com essa aventura que é conhecer Nova York em poucas horas.

Leia também: seguro viagem mais barato

 


Conexão em Nova York: o que você precisa saber


conexão em nova york

Mas antes que você faça a sua programação, preciso te alertar que a Big Apple é uma cidade grande e com trânsito imprevisível, principalmente pela manhã e final no do dia.

Sendo assim, o mínimo de horas da conexão para que seja possível curtir com certa calma é de 6 horas. Pense que você terá que sair do aeroporto, se deslocar até Manhattan, passear e voltar para pegar o voo.

Não recomendo deixar o aeroporto em uma conexão de menos de 6 horas porque você correrá o risco de não conhecer quase nada e, pior, perder o avião. Melhor não arriscar!

Outra questão é que em voos internacionais em que a primeira parada é Nova York, será necessário passar pelo trâmite alfandegário.

O tempo na fila na entrevista com oficial de imigração pode ser de 15 minutos, mas pode acontecer de passar de 3 horas. Tudo vai depender da quantidade de aviões que chegaram naquele momento.

Com essas recomendações de prevenção, agora vamos as dicas para aproveitar uma conexão em Nova York.

Leia também: chip de celular para usar nos EUA

 


Onde guardar as malas nos aeroportos de Nova York


Se o seu voo vai fazer conexão em Nova York, informe-se com a companhia aérea sobre o destino das malas. Geralmente, é necessário retirá-las para fazer o check-in novamente, no momento do novo embarque.

Caso precise guardar a bagagem, o aeroporto JFK tem guarda-volumes no primeiro andar do Terminal 4. Procure pelas placas: Baggage Storage Service. 

O serviço funciona 24 horas e o valor varia de $4 a $16 por item.

Neste link do site oficial do aeroporto JFK, você tem acesso a mais informações sobre o procedimento. 

Nós nunca precisamos deixar as malas no aeroporto JFK, por isso não sabemos como funciona o serviço em detalhes. Temos a informação da disponibilidade, porque já vimos as placas de informações pelo JFK.

Já nos aeroportos de Newark e La Guardia, por sua vez, não há guarda-volumes disponíveis. Você terá que carregar a bagagem com você ou pensar em outra alternativa.

Em Nova York, existem diversas Luggage Storage, principalmente na ilha de Manhattan, mas não temos nenhuma empresa confiável para indicação. Se quiser saber mais, procure no Google Maps por Luggage Storage Manhattan.

Leia também: mapa de Manhattan com pontos turísticos

 


Deslocamento do aeroporto até Manhattan


metro do aeroporto jfk

Manhattan é a região de Nova York onde se concentram as principais atrações.

Os aeroportos de Nova York são:

Os aeroportos JFK e LaGuardia ficam no distrito do Queens, dentro da cidade de Nova York.

Já o aeroporto de Newark, fica em New Jersey, outro Estado, porém próximo de Nova York.

O deslocamento até lá pode ser feito de transporte público ou contratar um transfer com motorista brasileiro.

Do aeroporto JFK, o trajeto de metrô costuma ter duração de 1h15 minutos e é o mais indicado para quem vai fazer um conexão de poucas horas em Nova York, além de ser o jeito mais econômico para chegar em Manhattan.

Leia no blog: metrô do aeroporto JFK até Manhattan

Ao redor dos aeroportos de Newark ou La Guardia também têm transporte público que vão até Manhattan.

O importante é estudar com antecedência o trajeto e o tipo de transporte para não perder tempo no aeroporto.

Leia no blog: aeroportos de Nova York

 


Lugares para conhecer durante conexão em Nova York 


quantos dias ficar em nova york

Nova York tem dezenas de pontos turísticos, e já é muito difícil conhecer tudo em uma viagem de 7 dias, imagine, então, em uma conexão de poucas horas.

O que conhecer em uma conexão em Nova York:

  • Central Park
  • Quinta Avenida
  • Rockefeller Center
  • Times Square
  • Summit One Vanderbilt

A boa notícia é que a maioria dos lugares citados fica concentrada em Midtown Manhattan, região central e de fácil acesso para fazer as principais atrações a pé ou de transporte público.

Nesse mapa, tem as atividades citadas que são bem próximas uma das outras para fazer caminhando.

 

Todos esses lugares ficam próximos um dos outros e dá para conhecer a pé em 3 ou 4 horas no máximo, mas desde que a parada seja breve. Lembre-se é apenas uma conexão em Nova York.

Qualquer outro deslocamento ou atração que queira conhecer precisará de um planejamento muito detalhado.

Por exemplo, se você deseja visitar um observatório, terá de comprar o ingresso com hora marcada para não pegar filas e perder tempo.

Lembre-se é apenas uma conexão, não vai ser possível visitar Nova York em apenas algumas horas.

Leia também: como usar o metrô em Nova York

 


Central Park


central park

O ideal é começar o roteiro da conexão em Nova York pelo Central Park, principalmente pelas atrações localizadas na face sul do parque. Não tente conhecer tudo, será uma visita rápida para passar aquele gostinho de quero mais.

Conhecido como o pulmão de Nova York, o parque é uma área verde que ocupa 51 quarteirões de Manhattan e fica entre os bairros do Upper West Side e Upper East Side.

As atrações indicadas para conhecer são:

  • Bethesda Terrace
  • Bow Bridge
  • The Mall
  • Central Park Carousel

Leia no blog: o que fazer no Central Park

 


Quinta Avenida


o que fazer em nova york

Ao sair do Central Park, caminhe sentido Quinta Avenida, outro ícone de Nova York e uma das avenidas mais famosas do mundo com várias atrações para conhecer, inclusive lojas conceito e gigantes de várias marcas.

Lá se concentram muitas lojas famosas, inclusive de luxo. O trecho mais visitado pelos turistas é entre a 59th Street e a 46th Street, onde ficam Apple Store, Nike, Adidas, Sak’s Fifth Avenue, H&M e Uniqlo.

Leia no blog: onde fazer compras em Nova York

 


CHIP T-MOBILE | INTERNET ILIMITADA

Compre o chip de celular no Brasil com desconto de 10% e chegue nos EUA com internet ilimitada. Utilize o cupom: DICASNOVAYORK
 


Rockefeller Center


pontos turisticos de nova york

Localizado na Quinta Avenida, o Rockefeller Center é um dos centros comerciais mais luxuosos de Nova York, repleto de lojas, restaurantes e atrações.

No inverno, o local recebe a famosa pista de patinação no gelo, aberta ao público mediante a reserva de ingressos e aluguel dos patins.

Outras atrações são o observatório Top of the Rock, a Fao Schwarz (a maior loja de brinquedos dos EUA), a Lego Store, o Nintendo World, o Radio City Music Hall e o NBC Studios.

Leia no blog: o que fazer no Rockefeller Center

 


Times Square


lugares para conhecer em nova york

A Times Square é basicamente o coração da Big Apple. É lá que toda a agitação acontece e deve ser o primeiro lugar a ser colocado em qualquer roteiro de viagem para Nova York.

Na região, as principais atrações são a escadaria vermelha (Father Duffy Square), o museu de cera Madame Tussauds e as muitas lojas temáticas de marcas famosas.

Vale a pena passar um tempinho por lá, sentar na escadaria e tirar muitas fotos.

Leia no blog: o que fazer na Times Square

 


Observatório Summit One Vanderbilt


summit

Se a sua conexão for acima de 8 horas, coloque no roteiro um observatório para curtir a cidade por outro ângulo.

A minha indicação é o Summit One Vanderbilt, localizado ao lado do Grand Central Terminal. Com três salas de experiências imersivas, o observatório é uma dos pontos turísticos mais incríveis para fazer em Nova York.

Os ingressos para o Summit One Vanderbilt são vendidos com data e horário marcados para evitar filas.

A compra tem a opção de cancelamento grátis até 24 horas da data agendada, no site da GetYourGuide, parceiro oficial do observatório Summit One Vanderbilt, na venda dos ingressos e com site totalmente em português.

Os valores são os mesmos do site oficial, mas variam conforme a experiência desejada, o dia da semana e o horário escolhido para visitação. Essa é uma regra do próprio observatório.

Clique aqui para valores e ingressos

A minha recomendação é que você compre os ingressos com antecedência, para evitar filas nas bilheterias, ainda mais por se tratar de uma atração nova na cidade. Mas, se não conseguir fazer isso, é possível adquiri-los através das máquinas que ficam instaladas na entrada do observatório.

Ah, e caso você tenha comprado o ingresso geral pela internet e, antes de entrar, decida fazer um upgrade para incluir o elevador Ascent, também pode usar as máquinas automáticas no local para isso.

 


Vale a pena aproveitar a conexão em Nova York?


parques de nova york

Na minha opinião, vale a pena aproveitar a conexão em Nova York se você tem muita vontade de conhecer a cidade, desde que o seu próximo voo proporcione no mínimo 6 horas de espera.

Esse é um tempo suficiente para fazer todo trâmite de imigração, retirar as malas, pegar um transporte até Manhattan e curtir rapidamente as atrações, sem sustos ou grandes desafios.

Menos do que 6 horas vai ser muito corrido. Não posso dizer “não saia do aeroporto”, até porque essa é uma vontade individual, mas tome muito cuidado, porque uma vez na cidade, o tempo vai passar muito rápido.

Faça um bom planejamento para curtir esse momento único na Big Apple sem correr o risco de perder o outro voo e, prepare-se, essa rápida visita só vai despertar o sentimento de querer voltar, porque Nova York é apaixonante e sempre deixa saudade.

 


PLANEJAMENTO DE VIAGEM

GUIA DE BAIRROS: e-book com dicas do que fazer, onde comer e onde ficar

INGRESSOS: atrações de Nova York com valores em reais e 12 vezes

CHIP EUA: compre no Brasil com 10% de desconto. Cupom DICASNOVAYORK

SEGURO VIAGEM: faça uma cotação e contrate o seguro com 15% de desconto.

PASSE DE ATRAÇÕES:  SightSeeing Pass com 20% de desconto. Cupom DICASNOVAYORK 

HOSPEDAGEM: lista dos hotéis mais reservados pelos brasileiros em Nova York.

TRANSFER AEROPORTO: com motorista brasileiro e atendimento personalizado

CONTA EM DÓLAR: abra sua conta na NOMAD e receba $10 após remessa. Cupom DICASNY10

GRUPO DE WHATSAPP: Faça parte do grupo com dicas exclusivas para ajudar na sua viagem


Compartilhe

Fábio Angheben é jornalista e criador do Dicas Nova York. Apaixonado pela Big Apple, estuda muito e conhece em detalhes todas as ruas, histórias dos prédios, atrações e sonha um dia experimentar todos os hambúrgueres da cidade. Vive e respira Nova York todos os dias. Por isso, conta suas experiências no blog com muito carinho e atenção nos detalhes para a todos. Seu olhar ainda é de turista (talvez nunca perca isso) e adora trocar ideia sobre as experiências vividas em Nova York.

Seja o primeiro a comentar